Escape rooms: como não escapar a esta inovação na sala de aula!

Edição: 
Data de início/fim: 
Sexta, 9 Setembro, 2022 - 11:00 - 13:00
Duração (horas): 
2
Nome do(s) Formador(es): 
Marta Ferreira Dias e Marlene Amorim
Instituição do(s) Formador(es): 
Universidade de Aveiro
Biografia: 
Marta Ferreira Dias Marta Ferreira Dias é doutorada em Economia pela Warwick University no Reino Unido e é atualmente Professora Auxiliar no Departamento de Economia Gestão e Engenharia Industrial e Turismo da Universidade de Aveiro. É coordenadora europeia do projeto UNLOCK - Creativity through game-based learning at higher education. Desenvolve investigação e conduz projetos na área da economia da energia, regulação e política energética e da sustentabilidade. nos quais apresenta trabalhos em encontros e publicações. Marlene Amorim Marlene Amorim é Doutorada em Gestão pela IESE Business School, em Barcelona e atualmente Professora Auxiliar no Departamento de Economia Gestão e Engenharia Industrial e Turismo da Universidade de Aveiro, e Coordenadora da Linha de Investigação em Competitividade Inovação e Sustentabilidade na Unidade de Investigação em Governança Competitividade e Políticas Públicas. Desenvolve investigação e conduz projetos na área da Gestão das Operações e da Qualidade e Inovação em Serviços, apresentado regularmente o seu trabalho em encontros e publicações científicas da área, colaborando a convite em seminários e cursos de pós-graduação em universidades portuguesas e estrangeiras, e integrando projetos de investigação na área a nível nacional (FCT) e internacional (FP7, ERASMUS+, URBACT).
Vagas: 
67
Descrição: 
As escape rooms educacionais (EERs) têm tido uma popularidade crescente nos últimos anos, tanto em investigação como na aplicação em sala de aula para diferentes níveis educacionais. As EERs são jogos em que os participantes devem colaborar para resolver um conjunto de desafios que são organizados na sequência de uma narrativa, criada especificamente para atingir os objetivos de aprendizagem pré-definidos. Este dispositivo pedagógico é utilizado para promover soft skills, como a comunicação, o trabalho de equipa, o pensamento crítico, e pode ser usado para desenvolver conhecimentos e conteúdos específicos nas áreas STEAM. Quer saber como criar uma escape room como experiência de aprendizagem? Nesta formação vamos dar a conhecer as escape rooms educacionais e terá a oportunidade de aprender sobre o tema ao experimentar uma EER, para que depois da experiência possa aplicar esta prática inovadora na sala de aula, de forma a aumentar o envolvimento dos alunos de forma interativa!